Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Bateria acelera viaturas e recarrega telemóveis em 10 segundos

Cientistas norte-americanos desenvolveram um modelo de bateria capaz de acelerar rapidamente uma viatura ou de recarregar um telemóvel em apenas 10 segundos, segundo um estudo publicado na revista Nature, revela a Lusa.

O modelo de bateria de lithium-fer-fosfato (LiFePO4), será mais pequena e mais leve que os modelos actuais e poderão ser recarregadas mais rapidamente, precisou um comunicado do Instituto de Tecnologias do Massachusetts – MIT.

Actualmente, as baterias de LiFePO4 permitem armazenar grandes quantidades de energia mas os processos de carregamento e descarregamento demoram várias horas.

Com a descoberta de Byoungwoo Kang e Gerbrand Ceder, investigadores do MIT, uma bateria de um carro poderá, desde que tenha um carregador adaptado, ser recarregada em cinco minutos, contra as seis a oito horas que demoram actualmente a carregar, e a de um telemóvel em 10 segundos.

Assim, para alimentar uma viatura eléctrica, estas baterias adaptam-se de melhor forma a uma condução à velocidade constante e a acelerações súbitas.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.