Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

A importância do plano de negócios

Ricardo Rodrigues

O plano de negócios é uma ferramenta chave para avançar com um projecto empresarial, declarou ontem, Ana Rosas, representante do Instituto de Apoio as Pequenas e Médias e Empresas e a Inovação (IAPMEI), numa conferência que teve lugar no auditório da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais, subordinada ao tema, “O que necessitas para o arranque do teu Primeiro Negócio”.

Para dar início a um novo projecto, não basta ter uma boa ideia, é necessário apresentar um bom plano de negócios, que deve ser simples, realista, objectivo e completo, defendeu a responsável, que durante a sua intervenção explicou os pontos chave que devem ser analisados, de forma a garantir que o projecto é inovador e tem potencial de mercado.

Na sua estrutura, o plano de negócios deve conter o sumário executivo, a identificação do promotor, a explicação do projecto em causa e o modelo económico-financeiro, não esquecendo a importância da análise SWOT.

No modelo económico-financeiro, deve ser feita a descrição do investimento, a sua aplicação e qual a fonte de financiamento. Já a análise SWOT, consiste na análise dos pontos fortes e fracos, e das oportunidades e ameaças inerentes ao negócio proposto.

A explicação do projecto deve descrever o produto ou serviço em causa e qual o seu mercado, onde se incluem clientes, posicionamento de mercado e potencial de expansão no segmento, ou para novos mercados. Deve ainda descrever a produção – processo produtivo, fornecedores, grau de dependência – rede de distribuição, recursos humanos – equipas e know-how – e a estratégia, onde se incluem objectivos, potenciais parcerias e posicionamento no mercado.

O marketing é outro dos pontos a ter em conta, com particular atenção à análise de mercado, onde devem ser estudados factores demográficos, geográficos, social e económicos, a concorrência e as formas de fazer chegar o produto ao consumidor final.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.