Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Ministro da Economia garante ordenados na Bordalo Pinheiro

«Vimos, pelo menos, mais optimistas. O ministro garantiu que vai ter muito rapidamente soluções para a Bordalo Pinheiro», disse o responsável da comissão de trabalhadores da fábrica, José Fernando, após ter sido recebido por Manuel Pinho.

De acordo com José Fernando, o ministro mostrou-se «conhecedor do problema» e preocupado, sobretudo, com a parte social, ou seja, com as dificuldades dos trabalhadores, assegurando que os salários serão pagos «rapidamente».

Sem adiantar prazos concretos, acrescentou José Fernando, o ministro disse que «dentro de dois meses, mês e meio» será apresentado um plano de viabilização para a empresa que, de acordo com a comissão de trabalhadores, já está a ser estudado e que será, a partir de agora, discutido com a entidade patronal.

Contudo, questionado sobre se esse plano de viabilidade inclui todos os postos de trabalho actualmente existentes, José Fernando disse que o ministro não tinha adiantado quaisquer pormenores sobre esta matéria. «Saímos satisfeitos. Precisamos de mais, não só de palavras mas também de actos. Não queremos só um pequeno remendo, mas a continuação da empresa», disse José Fernando, sugerindo que o plano de viabilização da empresa deve ter como estratégia uma aposta na organização, no marketing e na inovação.

É que, frisaram, «a crise não é desculpa para tudo», o problema «também passa pela gestão». Apesar de considerar que há menos risco, a comissão de trabalhadores diz que só descansará quando todos receberem os seus salários.

LE com Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.