Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Inovação: Portugal sobe cinco lugares no ranking europeu

De acordo com o «European Innovation Scoreboard 2008», hoje divulgado em Bruxelas pela Comissão Europeia, Portugal passou da 22ª para a 17ª posição da UE subindo do grupo dos países «Catching-up» (países em progressão) para o dos ‘moderate innovators’ (Inovadores moderados), onde é líder em termos de crescimento ao lado de Chipre e à frente dos oito Estados-membros que incluem este grupo, entre eles Espanha e Itália.

O mesmo relatório avança que Portugal registou uma taxa de crescimento dos indicadores de inovação acima do dobro da média europeia, tendo sido também o quinto país europeu que mais melhorou no indicador relativo aos efeitos económicos de inovação, apenas atrás da Grécia, Chipre, Turquia e Hungria.

Segundo a mesma fonte do Gabinete do Coordenador do Plano Tecnológico, para «esta melhoria, que se deveu aos resultados do Plano Tecnológico», contribuiu «de modo especial, a excelente evolução verificada nos indicadores relativos à qualificação dos recursos humanos», em que Portugal foi o país europeu que mais progrediu«, ao contrário da Grécia que ficou em último lugar.

«Estes resultados foram possíveis pela determinação das políticas públicas, expressas no Plano Tecnológico, e pela mobilização de toda a sociedade portuguesa. Para essa mobilização, contribuiu significativamente a parceria entre o Governo e a COTEC e o Compromisso com a Inovação que dela decorreu, com impacto no investimento, nos modelos de registo e na monitorização da inovação em Portugal», frisou a mesma fonte.

Portugal é ainda o país que apresenta o quarto melhor desempenho no indicador «Nontechnological marketing/organisational innovators» (inovadores não tecnológicos).

Apresenta-se ainda bem posicionado nos rankings que medem o crescimento (melhoria) de vários indicadores, como «Business R@D expenditures» (Investimento em Investigação e Desenvolvimento).
No ranking dos Estados-Membros europeus, as posições de liderança foram ocupadas pela Suécia, Finlândia e Alemanha, mas na cauda da UE ficaram a Bulgária, a Letónia e a Roménia.

Se se considerar o conjunto de todos os países europeus, a Suiça é a vencedora e a Turquia é que está em último lugar.

Lusa

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.