Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Estaleiros Navais de Peniche na Argélia e Rússia

Os Estaleiros Navais de Peniche – ENP, estão a apostar no mercado africano, e em particular no argelino, revela o Oeste Online. «Os contactos são promissores e neste momento estamos em discussão e com perspectivas de negócios significativos na área das pescas, de embarcações de passageiros e de embarcações paramilitares e militares», revelou Carlos Mota, presidente do Conselho de Administração da empresa.

Os novos negócios representam um volume de negócios significativo e a entrada dos estaleiros num novo sector da construção naval. Segundo o Oeste Online, o negócio dirá respeito a lanchas de 14 metros, para busca e salvamento, e de pequenos patrulhas de 22 metros, «um tipo de produção que já é restrito a poucos estaleiros, mas que nos sentimos completamente capazes de concretizar», esclarece o responsável.

Os ENP pretendem também entrar no mercado russo. «Temos já apresentação da pré-qualificação, junto de organismos estatais russos, pensamos que, nos próximos 30 dias, ou haverá uma delegação deles aqui ou uma nossa deslocação a Moscovo», adiantou o responsável.

Os Estaleiros Navais de Peniche empregam 150 trabalhadores directos e representam uma facturação global de 21 milhões de euros. Metade provém do mercado externo.

LE com Oeste Online

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.