Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Óbidos vai atrair «actividades criativas»

A candidatura “Clusters Criativos em Áreas Urbanas de Baixa Densidade”, aprovada recentemente pela União Europeia, vai ser liderada pelo município de Óbidos. O projecto defende e promove modelos de desenvolvimento que têm por base economias criativas e culturais, em áreas urbanas de baixa densidade, e foi um dos 24 aprovados entre 120 candidaturas europeias, revela o município.

O projecto – que terá um orçamento 710 mil euros – «assenta no pressuposto de que as actividades criativas podem constituir a força motriz do desenvolvimento económico-social e territorial de pequenos centros urbanos, contrariando a tradicional tendência de êxodo da população», contribuindo para «reforçar a imagem e identidade das regiões, tornando-as mais atractivas ao estabelecimento de novas empresas», adianta o site.

Neste contexto, importa «atrair pessoas criativas (nomeadamente famílias de jovens talentos, adultos criativos em fase de mudança de carreira e reformados activos…) e pequenas empresas criativas nas áreas de design, artesanato, arte, antiguidades, música, publicidade, arquitectura».

A rede tem como Município líder a Vila de Óbidos, em parceria com quatro cidades europeias (Reggio Emília – Itália, Mizil – Roménia, Enguera – Espanha e Catanzaro – Itália), e visa reforçar a dinâmica económico-social e territorial das áreas de baixa densidade, tendo como motor as actividades criativas.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.