Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Augusto Mateus e Henrique Neto falam sobre práticas de internacionalização

Augusto Mateus e Henrique Neto vão estar dia 17 de Abril em Torres Novas, para falar sobre práticas de internacionalização. A iniciativa, que tem início marcado para as 18h30, no Teatro Virgínia, surge no âmbito do ciclo de conferências “Os desafios das PME”, organizado pela revista Invest/AIP/ISLA, e conta com o apoio do Leiria Económica.

Que marcas portuguesas é que são reconhecidas internacionalmente? Globalmente falta-nos uma marca que sirva de cartão de visita ao País. Ainda assim, cada vez mais, os empresários pensam a sua empresa e localização como um ponto de partida. E o mercado, já o sabemos, é global. Com todas as potencialidades que isso encerra, mas também com adversidades sérias. Desconhecimento de mercado. Incapacidade de resposta. Falta de capacidade competitiva.

É num ambiente informal que os convidados vão abordar estes temas, explicar como é possível exportar a partir de Portugal, conhecendo as oportunidades que estão ao nosso alcance e as dificuldades que é preciso contornar.

Henrique Neto é empresário da indústria de moldes, um sector que trabalha para o mercado externo há várias décadas e que consegue não só competitivo como exemplar.

Ao consultor Augusto Mateus caberá a análise das nossas vantagens competitivas e as explicações sobre a estratégia a seguir. Porque o caminho da competitividade também passa pela internacionalização.

Augusto Mateus é licenciado em Economia, e tem desenvolvido actividade como investigador e consultor nas áreas de macroeconomia, política económica, competitividade industrial, estratégia empresarial, avaliação de programas e políticas de desenvolvimento.

Esteve recentemente envolvido na coordenação de projectos de investigação e estudos económicos, com destaque para a preparação do QREN 2007-2013, e foi ministro da Economia do Governo de António Guterres.

Quanto a Henrique Neto, iniciou-se profissionalmente como aprendiz na indústria, primeiro de embalagem de madeira e, posteriormente na de moldes para matérias plásticas.

Fundou a Iberomoldes em 1975, tornando-a numa das maiores organizações do sector, e é Vice-Presidente da Direcção da AIP – Associação Industrial Portuguesa.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.