Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Simlis adere ao Sistema de Telegestão no tratamento de águas residuais

Dentro de seis meses, a Simlis – Saneamento Integrado dos Municípios do Lis – deverá ter o Sistema de Telegestão concluído e pronto a funcionar, uma ferramenta que permitirá, em tempo real, controlar todo o sistema de tratamento de águas residuais, com base em tecnologia de ponta, revela a edição de hoje do Diário de Leiria, citando um comunicado da empresa.

Para a segunda fase de implementação do Sistema de Telegestão e da Rede de Comunicações Multi-Serviços, a Simlis adjudicou a empreitada à CEGELEC – Instalações e Sistemas de Automação.

«O sistema de telegestão, aliado a uma Rede de Comunicação Multi-Serviços, que implica a montagem de todo um sistema de cabos de fibra óptica, antenas de transmissão microondas e outros equipamentos, vai permitir uma melhor gestão operacional em matéria de recursos humanos, bem como uma racionalização de consumos energéticos», adianta a publicação.

LE com Diário de Leiria

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.