Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

QREN apoia PME exportadoras que apostem em novas tecnologias

O Governo vai apoiar as pequenas e médias empresas (PME) exportadoras que queiram beneficiar das novas tecnologias através de incentivos do QREN, disse à Lusa o secretário de Estado Adjunto, da Indústria e da Inovação.

António Castro Guerra falava à agência Lusa no âmbito da conferência «Utilização das TIC [tecnologias da informação e comunicação] para a competitividade das PME», que decorre hoje em Lisboa, numa iniciativa da presidência portuguesa da UE e do Ministério da Economia e da Inovação.

«Todas as empresas exportadoras podem beneficiar de incentivos a nível do QREN [Quadro de Referência Estratégico Nacional] se pretenderem tirar partido da economia digital», afirmou o secretário de Estado, explicando que esta medida já teve uma fase experimental e que agora «vai ser mais ampliada».
«Vamos dar prioridade, sinalizar as empresas para a importância da economia digital», salientou o governante.

Sobre a utilização das tecnologias, António Castro Guerra salientou que «as PME são uma realidade muito heterogénea», dependendo do palco onde actuam – local, regional, nacional ou internacional. Mas são as empresas que concorrem a nível internacional que «mais estão disponíveis para apostar nas TIC. Tem havido uma difusão da sua utilização, mas as que tiram mais partido são as que apostam fora do país, onde o mercado é bastante concorrencial, não há alternativa», concluiu o secretário de Estado.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.