Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Empresa Sarraipa investe em S. Tomé e Príncipe

A Sarraipa, SA, empresa que comercializa máquinas e ferramentas industriais, vai investir, ainda este ano, em S. Tomé de Príncipe, na sequência da estratégia que tem seguido nos Países de Língua Oficial Portuguesa (PALOP). Com aquele investimento fica representada em todos os países de língua oficial portuguesa, que representam 30% da facturação global da empresa, revela a edição de hoje do Diário de Leiria.

Os produtos que a empresa comercializa são distribuídos naqueles países por intermediários, mas o ‘know-how’ (apoio técnico e formação) é fornecido pela Sarraipa SA, que dispõe de um equipa constituída por 20 técnicos, adianta o diário.

O presidente da Assembleia Regional de Príncipe, Nestor Umbelina, esteve na sexta-feira na sede da Sarraipa, na Barosa, de forma a tomar conhecimento da «realidade da empresa», numa «lógica de proximidade», explicou.

«É sabido que S.Tomé e Príncipe é deficitária em energia eléctrica, porque cada habitação tem de ter um gerador, e a empresa Sarraipa pode dar um excelente contributo nesta área, porque fornece maquinaria industrial a empresas que estão a desenvolver essa área», cita ainda o jornal.

LE com Diário de Leiria

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.