Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Varzim albergará maior fábrica mundial de painéis solares

A empresa portuguesa Energie inaugura em Setembro, na Póvoa de Varzim, a maior fábrica de painéis solares térmicos do mundo, um investimento de dois milhões de euros, segundo a edição de domingo do Jornal de Notícias.

A nova unidade permite sextuplicar a produção actual, para cerca de 90 mil painéis solares termodinâmicos por ano, revelou, ao diário, o presidente da Energie, Luís Rocha, adiantando que a nova unidade tem por objectivo o reforço da produção e a expansão a dois mercados estratégicos: Itália e, principalmente, Alemanha.

Cerca de 60% da produção actual destina-se ao mercado nacional, enquanto os restantes 40% são exportados para países como Espanha, França, Estados Unidos, Irlanda, Reino Unido, Bélgica e Luxemburgo. Com a nova fábrica, o peso dos mercados internacionais na facturação da Energie deverá subir para 50%.

Outro dos objectivos passa pelo incremento da facturação a um ritmo de um milhão de euros por ano até 2010. Em 2006 a Energie facturou seis milhões de euros.

LE com Jornal de Notícias

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.