Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

China será maior destino turístico do mundo em 2014

A China será o maior destino turístico do mundo em 2014, segundo a Organização Mundial do Turismo (OMT), cujas previsões anteriores apontavam 2020 como o ano em que a China ultrapassaria a França na liderança do mercado turístico global, revela a agência Lusa.

Os Jogos Olímpicos de Pequim 2008 funcionarão como a rampa de lançamento para o crescimento ainda mais rápido do número de turistas a visitar a China, segundo a Administração Nacional de Turismo daquele país.

As previsões anteriores da OMT apontavam 2020 como o ano em que a China assumiria a liderança mundial no turismo, beneficiando da diversidade do país, que inclui as montanhas do Tibete, a arqueologia de Xian, a história de Pequim e a Grande Muralha ou o cosmopolitismo das novas metrópoles como Xangai e Cantão.

A capital chinesa prepara-se para receber 500 mil turistas estrangeiros durante as Olimpíadas de 8 a e 24 de Agosto de 2008, que deverão gastar cerca de 5.000 milhões de dólares (3,69 mil milhões de euros), de acordo com cálculos da ANT.

Em 2007, a indústria de turismo chinesa irá gerar 78 mil milhões de dólares (57,6 mil milhões de euros), ou 2,5% do produto interno bruto (PIB), uma estimativa que aumentará para os 277 mil milhões de dólares (204,6 mil milhões de euros) em 2017, de acordo com a OMT.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.