Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

«Turismo do Oeste e Fátima muito importante no crescimento económico»

O Turismo, particularmente os destinos Oeste e Fátima, pode ser muito importante, nos próximos um/dois anos, para mudar o ciclo de crescimento económico, disse o presidente da Comissão de Coordenação Regional de Lisboa e Vale do Tejo, Fonseca Ferreira, na primeira sessão plenária do Congresso.

O responsável defendeu que os grandes desafios que se colocam à região, nos próximos anos, são a globalização, a intensificação da procura da Área Metropolitana de Lisboa, o Turismo (Oeste/ Fátima), o Aeroporto da OTA / TGV e o IC 9.

O presidente da CCDRLVT explicou que o eixo Leiria – Marinha Grande é, a par do eixo Aveiro – Águeda, um dos territórios mais dinâmicos do país, e defendeu que outras das oportunidades que se deparam para a região do Oeste e de Leiria são um novo e mais dinâmico relacionamento entre actores, a sustentabilidade e a reforma da administração/ descentralização/ regionalização.

LE com comunicado da ADLEI

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.