Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Pajamanation português promove micro-empreendedorismo a partir da Marinha Grande

O site www.pajamanation.com dispõe, finalmente, de uma versão em português. Trata-se de uma plataforma que permite a qualquer pessoa oferecer e adjudicar trabalho por todo o mundo, disse à agência Lusa, Paulo Cunha Velho, coordenador nacional do projecto, que opera a partir da Marinha Grande.

O site funciona como um centro de ofertas via internet, onde empreendedores e empresas podem colocar as suas ofertas e pedidos. «Uma empresa inglesa, por exemplo, quer fazer uma tradução e inscreve o pedido no site, podendo apresentar prazos de entrega e até mesmo valores-referência de pagamento», explicou o responsável.

«O trabalho é então licitado por quem estiver habilitado, que dá a conhecer currículo, portofólio ou outros pormenores relevantes, podendo apresentar inclusivamente o preço do trabalho», acrescentou.

Inscrição para empresas tem custo de cem euros

O sistema, que está em fase experimental desde Dezembro, pretende tornar-se na maior rede mundial de micro-empreendedores doméstico. A adesão ao portal, para as empresas, custa 100 euros, sem limite para oferecer ou recrutar pajama- trabalhadores, enquanto os trabalhadores podem fazer a sua inscrição a partir de 25 euros.

«Só em Portugal temos 50 mil licenciados desempregados, que podem trabalhar e ganhar dinheiro, fazendo o seu próprio horário», justifica o empreendedor.

A ideia do desenvolvimento deste centro de trabalho é dos belgas Walter De Brouwer e Luc De Vos e actualmente existem 53 coordenadores em países diferentes.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.