Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Governo português e marroquino assinam acordo que extingue taxas aduaneiras

Mário Lino assina hoje, durante a IX Cimeira Luso-Marroquina, um protocolo com o seu congénere marroquino quem tem como objectivo extinguir as taxas aduaneiras que existem para o transporte de mercadorias e matérias-primas, revela a edição de hoje do Diário Económico.

Este acordo, que «isenta as empresas portuguesas de pagamento de taxa e facilita o transporte de equipamentos e matérias-primas» surge na sequência de uma visita do ministro das Obras Públicas a Marrocos e numa resposta às queixas das empresas portuguesas, adianta o DE.

Actualmente, Portugal paga uma tarifa aduaneira em importações de matéria-prima, mas Marrocos não, uma vez que entra por Espanha com quem têm um acordo estabelecido que lhes permite o livre trânsito. Uma vez em Espanha, as empresas marroquinas podem entrar sem pagar qualquer taxa em Portugal e trazer os seus produtos, explica ainda o diário.

LE com Diário Económico

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.