Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Governo vende quatro herdades por 20 milhões

O Ministério da Agricultura vai avançar com a venda de património. A primeira lista de herdades que estão na posse de organismos tutelados por Jaime Silva deverá render uma receita de 20 milhões de euros para o Estado, avança o Diário de Notícias, citando o ministro da Agricultura.

A herdade da Revilheira, no concelho de Reguengos de Monsaraz, é uma das que farão parte daquela lista, «mas o governante não quis adiantar os nomes das restantes», refere o diário.

Está disponível também para alienação uma lista de imóveis que pertenciam ao IVV – Instituto da Vinha e do Vinho, um dos organismos tutelado pelo ministério, e que foi alvo de uma grande reestruturação.

Esta lista, segundo o DN, engloba cerca de 18 imóveis, entre edifícios, terrenos e armazéns, localizados em Macedo de Cavaleiros, Oliveira do Bairro, Torres Vedras, Lisboa, Vila Franca de Xira, Alpiarça, Azambuja, Alenquer, Cartaxo e Almeirim.

«Há muito património que o ministério já não utiliza, desde edifícios a herdades. A maior parte dos imóveis já está devoluto há algum tempo, independentemente da reforma que está a ser agora levada a cabo. Mas depois desta reestruturação concluída é evidente que mais irão ficar ainda disponíveis», sublinhou Jaime Silva, em declarações àquele diário.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.