Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Farmácias terão máximo de 18,25% na margem de lucro

As farmácias vão ter margens de lucro máximas de 18,25% nos medicamentos comparticipados e 20% dos que não recebem comparticipação, de acordo com o novo Estatuto do Medicamento, revela a agência Lusa. Estes novos valores concretizam uma perda para as farmácias de 1,75% da margem de lucro, em dois anos.

A nova legislação, publicada hoje em Diário da República, refere ainda que os grossistas receberão 6,87% do preço de venda ao público dos fármacos comparticipados. Em relação aos medicamentos não comparticipados, a margem dos grossistas será de 8%.

A margem de comercialização dos farmacêuticos era de 20% até 2005, quando o ministro da Saúde, António Correia de Campos, mudou as regras no sector e definiu que a margem passaria para 19,15%.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.