Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Empresas com coração

Cinco gestores de empresas de topo contam em exclusivo à INVEST como praticam a responsabilidade social. António Mexia, da EDP, António Comprido, da BP, António Carrapatoso, da Vodafone, Rui Brites, da Xerox, e Henrique Granadeiro, da Portugal Telecom, revelam como têm contribuído para desenvolver projectos de responsabilidade social, muitos deles ao alcance de qualquer pequena ou média empresa.

Os contributos à sociedade são feitos das mais diversas formas: apoiar uma corporação de bombeiros, uma instituição de solidariedade social, um particular que precise de tratamento médico para o qual não tem dinheiro, há uma multiplicidade de formas de ser socialmente responsável. A começar pelos próprios funcionários das empresas. Um funcionário satisfeito é um funcionário que rende mais e os empresários compreendem esta máxima. Por isso, são cada vez mais os apoios que as empresas atribuem a quem com elas colabora.

São exemplos como estes que a INVEST mostra nesta edição de Dezembro, mês de Natal, mês em que a solidariedade dos Homens vem à tona.

Nesta edição, a revista revela também as 25 melhores empresas do distrito de Leiria, avaliadas pelo índice cash-flow, apresentando também outros indicadores relevantes, bem como os presidentes ou principais gestores de cada empresa. Além dos números e da análise financeira, a INVEST dá a conhecer projectos de actores associativos do distrito leiriense, que é conhecido pelo seu dinamismo empresarial.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.