Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

CENTIMFE é parceiro em dois novos projectos de I&D

INATEC e CEMICRO são os dois novos projectos de I&D que contam com o CENTIMFE na sua rede de parcerias. Os estudos realizados no âmbito do INATEC, financiados pela Medida 3.1A do PRIME, assentam em processos de maquinagem por alta velocidade em materiais endurecidos, maquinagem a mais de três eixos e electroerosão na vertente 5 eixos e integridade estrutural, as tecnologias de microfuração por electroerosão, a micromaquinagem por erosão laser 3D e a microfresagem.

Por seu lado, o CEMICRO – Rede de Competência de Microfabricação – assumirá como missão a cooperação entre entidades do SCTN (Sistema Científico e Tecnológico Nacional) e o tecido empresarial, capaz de induzir o desenvolvimento de competências e das parcerias adequadas para sustentar o desenvolvimento e industrialização de microcomponentes e microdispositivos.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.