Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

UE lidera exportações de tecnologia para a China

A União Europeia (UE) foi o maior exportador de tecnologia para a China nos primeiros 10 meses de 2006, seguida do Japão e Estados Unidos, segundo números divulgados hoje pelo Ministério do Comércio chinês, revela a agência Lusa.

Entre Janeiro e Outubro de 2006, os produtores europeus de tecnologia venderam 7,8 milhões de dólares (5,95 milhões de euros) para o mercado chinês, que importou 18,7 milhões de dólares de tecnologia, mais 37,1% face a igual período do ano anterior.

A seguir à União Europeia vem o Japão, com vendas de 4,6 milhões de dólares (3,51 milhões de euros) e os Estados Unidos, com 3,1 milhões de dólares (2,36 milhões de euros).

O sector ferroviário foi, no período em análise, o melhor mercado para as tecnologias estrangeiras na China, resultado da entrada de grandes empresas europeias como a Siemens e a Thyssen-Krupp naquele mercado.

Da verba total das importações chinesas de tecnologia nos primeiros 10 meses do ano, as empresas em parceria com capital estrangeiro gastaram 9,2 milhões de dólares (7,02 mil milhões de euros), mais 44,2% que nos primeiros dez meses de 2005, enquanto o investimento das empresas estatais cresceu 39,6%, para os 8,2 milhões de dólares (6, 26 milhões de euros).

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.