Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

OCDE revê em alta previsão de crescimento da economia portuguesa para 2006

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) reviu em alta a previsão de crescimento da economia portuguesa para este ano, antecipando agora uma expansão de 1,3%, revela a agência Lusa. Ainda assim, os valores apontados ficam aquém das estimativas do governo.

A OCDE reviu em baixa a previsão de crescimento do desemprego para os próximos anos, estimando uma taxa de 7% para 2008. Para este ano, a organização estima uma descida para os 7,5%, menos 0,4 pontos percentuais face ao valor avançado em Maio. A OCDE continua, no entanto, a afirmar que o desemprego em Portugal é elevado e que irá continuar a assistir-se a uma moderação salarial nos próximos anos.

A organização internacional deixa ainda uma recomendação: para se adaptar aos choques externos e conseguir melhorar a produtividade, Portugal precisa de subir o nível do capital humano e aumentar a concorrência no mercado interno.

No dia em que pela primeira vez pediu subidas das taxas de juro na zona euro, para que estas sirvam «como rédeas», face aos riscos de inflação a médio prazo, a OCDE aceita ainda, embora com dúvidas, que o governo português deverá conseguir cumprir este ano a sua meta do défice público de 4,6% do PIB.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros. 

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.