Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Lena Ambiente investe um milhão de euros em unidade de reciclagem de embalagens de plástico

A Lena Ambiente, empresa participada pelo Grupo Lena, vai investir um milhão de euros na construção e exploração de uma unidade industrial para a recuperação de caixas de plástico, localizada no Mercado Abastecedor da Região de Lisboa (MARL). A unidade garante a lavagem de 10 mil embalagens por dia e a empresa espera deste investimento um volume médio anual de negócio na ordem dos 445 mil euros, revela em comunicado.

Este centro ecológico, «inovador e o mais moderno de Portugal», permite recuperar e reutilizar cerca de três milhões e meio de caixas de plástico usadas pelas empresas sedeadas naquele mercado, adianta.

A nova unidade de reciclagem de plásticos fornecerá as embalagens, depois de recuperadas, às empresas utilizadoras, nomeadamente os operadores do MARL e clientes externos.

Em contrapartida à instalação desta unidade de reciclagem, o MARL receberá uma taxa de exploração pelo acesso e utilização do espaço e uma taxa variável, correspondendo a uma percentagem da facturação trimestral da unidade.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.