Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

URBCOM de Porto de Mós vai reabrir candidaturas

O período para apresentação de candidaturas ao URBCOM de Porto de Mós foi reaberto, e irá decorrer entre os dias 10 e 31 de Julho de 2006. Os comerciantes da zona de intervenção do URBCOM de Porto de Mós têm assim mais uma oportunidade de beneficiarem de um investimento a fundo perdido para modernizarem os seus estabelecimentos comerciais, revela a ACILIS em comunicado.

A reabertura das candidaturas foi pedida pela ACILIS e homologada pelo Secretário de Estado do Comércio, já que o período de entrega das anteriores candidaturas coincidiu com a data de entrega do IVA, não tendo sido possível a vários comerciantes da vila de Porto de Mós reunirem os dados necessários para instrução do processo.

Os projectos de urbanismo comercial visam a modernização das actividades empresariais do comércio e de alguns serviços em algumas áreas urbanas carenciadas e que no caso de Porto de Mós.

Segundo o Estudo Global efectuado na área de intervenção do URBCOM, a vila de Porto de Mós «é fortemente carenciada nos sectores de consultadoria, contabilidade, publicidade, design e novas tecnologias, assim como estabelecimentos de brinquedos, agências de viagens, ervanárias, restauração de fast food, casas de artigos desportivos e musicais, entre outros, pelo que esta reabertura das candidaturas dos empresários pode representar uma boa oportunidade de negócio».

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.