Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Parceria Leirisport/escolas chega ao Parlamento

A deputada Odete João, eleita do PS na Assembleia da República, pediu terça-feira esclarecimentos ao Ministério da Educação (ME) por causa da «parceria de venda» sugerida pela Leirisport às escolas da região, revela a edição de hoje do Região de Leiria.

Odete João quer saber se constituir as escolas «como posto de venda para um espectáculo musical [concerto de Daniela Mercury] viola ou não as funções legais atribuídas à escola». Por outro lado, quer que o ME responda se «é lícito o pagamento de comissões às escolas» por parte da empresa municipal.

Recorde-se que a Leirisport propôs às escolas a venda de bilhetes, quer receberiam uma comissão de seis por cento sobre as receitas efectuadas. Cem bilhetes era a quantidade mínima a solicitar pelas escolas, que teriam de deixar um cheque de caução no valor dos ingressos. A verdade é que nenhuma escola aderiu à parceria.

Contactada pelo Região de Leiria, a empresa municipal «lamenta profundamente que uma proposta simples, clara e, particularmente, séria, honesta e bem intencionada possa levantar tantas e tão estranhas questões que, até demonstração em contrário, não passam de suspeitas sem consistência».

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.