Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Fernando Esperança à frente da Vitrocristal

O empresário Fernando Esperança, presidente demissionário da Associação dos Industriais de Cristalaria (AIC), é o novo administrador único da Vitrocristal, revela e edição de hoje do Jornal de Leiria.

Jorge Sobral, até aqui secretário-geral daquela associação da Marinha Grande, será o director-geral do Agrupamento Complementar de Empresas. Os novos responsáveis «estão incumbidos de resolver o problema financeiro da Vitrocristal, renegociando o seu passivo», informa fonte do IAPMEI. Passivo que se situa entre os seis e os oito milhões de euros.

Sexta-feira, em Assembleia Geral da Vitrocristal, foi aprovada a transformação do Conselho de Administração em administração única, tendo sido revelad que Fernando Esperança ocuparia esse cargo. Jorge Moctezuma, que até aqui assumiu a gestão corrente, saiu do ACE. Contactado pelo Jornal de Leiria, Fernando Esperança diz que é administrador «apenas formalmente», já que quem irá desempenhar essas funções na prática será Jorge Sobral que, «por questões formais não podia assumir o cargo na assembleia».

«Não percebo porque tenta passar a imagem que é outro e não ele», comenta José Maria Ferreira, gerente da TovilTosel, única empresa directamente accionista da Vitrocristal. Para o empresário, com esta solução o IAPMEI «arranjou um bode expiatório» para esconder a sua incompetência, lamentando os «arranjos de gabinete». José Maria Ferreira sempre contestou o processo da Vitrocristal. «Gostaria de não ter tido razão, mas infelizmente tenho e está à vista».

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.