Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Empresas

Lena Construções lidera adjudicações em 2006

A Lena Construções – «sub-holding» do Grupo Lena para a área da construção civil e obras públicas – liderou as adjudicações de Obras Públicas no mercado português, até ao final do mês de Abril, segundo a Associação de Empresas de Construção e Obras Públicas (AECOPS). Ao todo, a Lena Construções apresentou a concurso 66 propostas, tendo conseguido ganhar 11, num valor correspondente a 13 milhões de euros.

Este facto vem reforçar a estratégia do Grupo na actuação transversal em todas as áreas da construção, nomeadamente nas vias de comunicação e obras de arte, na construção civil, ambiente e infra-estruturas urbanas, cobrindo todo o país e o mercado internacional. Para o ano de 2006 a Lena Construções espera um crescimento do seu volume de vendas em 30%, e fazer crescer em igual proporção a sua rentabilidade. O Grupo pretende também reforçar a sua estratégia de internacionalização, área que deverá representar 30% da facturação, até 2010.

Com base nesta estratégia, o Grupo já se encontra em actividade no Leste da Europa e no mercado Africano, nomeadamente em Angola e na Argélia, onde ganhou recentemente a sua primeira obra. O Grupo Lena está presente também no Brasil.

Sobre a Lena Construções

A Lena Construções alcançou em 2005 um volume de negócios de 189 milhões de euros, o que representa um crescimento de 17% em relação a 2004 (163 M€). Actualmente, cerca de 50% do volume de negócios do Grupo é gerado por esta «sub-holding». A Lena Construções desenvolve a sua actividade na concepção, construção e gestão de Obras Públicas e Privadas, em Portugal Continental e nos arquipélagos da Madeira e Açores, bem como a nível internacional. A actuação da Lena Construções tem-se pautado pelas intervenções nos mais diversos sectores das Obras Públicas e Privadas, cruciais para o desenvolvimento do País e com forte contributo na melhoria da qualidade de vida das populações, nomeadamente no domínio do Ambiente, Infra-estruturas Urbanas, Acessibilidades e em sectores específicos, como sejam os da Educação e Saúde

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.