Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário activar o JavaScript. Aqui estão as instruções de como activar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Caldas criou Via Verde para empresários

A Câmara Municipal das Caldas da Rainha criou, para os comerciantes e empresários do concelho, a Via Verde do Empresário, com o objectivo de facilitar o contacto com a autarquia, bem como agilizar procedimentos.

A Via Verde do Empresário está inserida no Plano Municipal de Apoio ao Comércio Tradicional e pretende apoiar tecnicamente os promotores de investimentos e de iniciativas empresariais com relevância para o desenvolvimento socio-económico do município. Tem ainda como objectivo informar e tornar os processos de licenciamentos comerciais e industriais mais rápidos.

Futuramente, o “Via Verde do Empresário” funcionará em articulação com o Gabinete de Apoio ao Empresário, informa em comunicado a Câmara Municipal das Caldas da Rainha.

Contactada pelo Leiria Económica, a Câmara Municipal de Leiria informa que disponibiliza este serviço há cerca de um ano, na Loja do Empresário do Mercado Santana. «Desconheço o Via Verde, mas o serviço disponibilizado na Loja do Empresário visa, de igual modo, ajudar os empresários da região nos processos de licenciamento», revela Vítor Santos, assessor de imprensa da autarquia.

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Câmara vende Topo Norte do Estádio por 1,3 milhões para instalação das Finanças

O Município de Leiria aprovou esta terça-feira uma proposta de alienação da Torre Nascente do Topo Norte do Estádio Dr. Municipal Magalhães Pessoa, com uma área de construção de 4.500 metros quadrados, destinada a instalações para albergar e juntar num único local os Serviços de Finanças locais e distritais de Leiria. O valor da alienação do prédio é fixado em  1.339.503 euros.