Javascript desactivado

Para completa funcionalidade deste site é necessário habilitar o JavaScript.Aqui estão as instruções de como habilitar o JavaScript no seu navegador.

Actualidade

Leiria foi sétimo distrito que mais criou empresas nos últimos doze meses

Nos últimos doze meses, Leiria viu nascer 1.509 novas empresas, tendo registado 130 insolvências e 648 encerramentos, apresentando-se o distrito como sétimo onde foram criadas mais novas empresas, o sexto que regista mais insolvências e o sétimo a nível de encerramentos.

Os dados são do Barómetro Mensal da Informa DB, e dão conta de um rácio de 2,3 nascimentos/encerramentos de empresas nos últimos doze meses, um valor em linha com a média registada a nível nacional, e que posiciona o distrito em décimo lugar neste indicador.

O Barómetro da Informa DB revela ainda que, em Setembro último, foram criadas no distrito de Leiria 97 novas empresas, face a quatro insolvências e 44 encerramentos. O distrito figura assim, neste período, como sétimo com mais nascimentos, décimo segundo com mais insolvências e sexto com mais encerramentos.

Em termos acumulados, desde o início do ano até final de Setembro, o distrito viu nascer, 1.159 empresas, tendo assistido a 100 insolvências e 396 encerramentos. Trata-se, neste período, do sétimo distrito com mais novas empresas, sexto com mais insolvências e sétimo com mais encerramentos.

Em 2016 (até Setembro), e face ao período homólogo, Leiria viu cair em 9,3% o número de novas empresas constituídas, face ao recuo de apenas 3,4% a nível nacional. Já o número de insolvências caiu 30%, um cenário mais favorável relativamente à descida de apenas 23,3% no total do país. O mesmo se verifica no número de encerramentos, que caíram 14,3%, face à descida de apenas 2,2% no total do país.

No total, o distrito de Leiria contava, no final de Setembro, com 21.326 empresas, correspondentes a 4,7% do total nacional. Leiria figura assim como o sexto distrito com mais empresas, depois de Lisboa, Porto, Braga, Aveiro e Setúbal, e na mesma proporção de Faro.

 

REDACÇÃO | Célia Marques cmarques@leiriaeconomica.com

As mais lidas

Secil inaugura unidade de produção de microalgas em Pataias

A Secil inaugurou hoje, na sua fábrica em Pataias, Alcobaça, uma unidade de produção de microalgas. O projecto envolve a captação e utilização do CO2 ali gerado, por microalgas, que são depois canalizadas para os mercados que as aproveitam como ingrediente sustentável, natural e rico em compostos bioquímicos, nomeadamente para os da alimentação humana e animal. O investimento é de 15 milhões de euros.

Exportações de moldes atingem novo recorde em 2016

Em 2016, as exportações da indústria portuguesa de moldes ascenderam a 626 milhões de euros, o que representa o quinto recorde consecutivo e a primeira vez que ultrapassam a barreira dos 600 milhões de euros. Aquele valor representa um acréscimo de 92% face a 2010.

AKI investe 500 mil euros na renovação da loja de Leiria

O AKI investiu 500 mil euros na renovação da loja de Leiria e está em processo de recrutamento de seis novos colaboradores. O objectivo passa por «reforçar o seu conceito de proximidade junto dos leirienses e actualizar a nova imagem da marca», explica a empresa em comunicado.